Maurício de Nassau e os
Holandeses no Brasil
.

 


Frans Jansz
Post

.

Se quiser, leia o texto; ou vá direto às
imagens, clicando nos pintores ao lado

Albert
Heckhout

 


nassau01.jpg (18579 bytes)
.

     Nassau, Maurício de (1604-1675), militar alemão a serviço da Companhia das Índias, que governou o Brasil holandês entre 1637 e 1644, cujo nome completo era João Maurício de Nassau-Siegen. Nasceu em Dillenburg, em 17 de junho de 1604, e faleceu em Kleve, Alemanha, em 20 de dezembro de 1679. Participou da Guerra dos Trinta Anos (1618-1648).

     No Brasil estimulou as artes e as ciências, instalando um observatório astronômico e um jardim botânico, mantendo boas relações com os senhores de engenho e promovendo o bom convívio de católicos, calvinistas e judeus.  Fracassou no ataque à Bahia em 1638. Retornando à Europa por divergências com a Companhia, sua saída estimulou a Insurreição Pernambucana.

     Posteriormente, ligou-se ao príncipe da Prússia e lutou pelos holandeses contra Luís XIV em 1672. Sendo conde de Nassau, recebeu o título de príncipe do Sacro Império Romano-Germânico.

Fonte: Encarta 2000.
.

 

Informações